Botafogo x Bonsucesso Ao Vivo

Fechado desde 2013 por apresentar problemas estruturais, o Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ), voltará a receber os torcedores do Botafogo neste sábado, às 17h (de Brasília), quando o time recebe o Bonsucesso pela terceira rodada do Campeonato Carioca. O Glorioso pretende obter um resultado positivo para ficar na zona de classificação para as semifinais. O adversário é o mais indicado neste caso, já que o time suburbano ainda não conseguiu pontuar, está na zona de rebaixamento e vem de derrota de 2 a 0 para o Bangu.

Em termos de escalação, o Botafogo vai manter a base que participou dos dois jogos até aqui. Porém, o meia Gegê será barrado para a entrada de Tomás, que terá a missão de aumentar o poder de movimentação do time e a velocidade. O atacante Jobson, com edema no músculo da coxa esquerda, segue de fora, à exemplo do que aconteceu no meio de semana. O Glorioso também não conseguiu regularizar a documentação do lateral-direito Luis Ricardo, contratado junto ao São Paulo e que terá que esperar um pouco mais para estrear.

Pelo lado do Bonsucesso, o técnico Caio Couto espera que sua equipe tenha um bom desempenho contra o Botafogo e se mostra otimista mesmo com os dois resultados ruins até o momento. “O Bonsucesso vai procurar jogar com o Botafogo de igual para igual, tendo consciência das suas limitações. Acredito que com vontade e obediência tática podemos surpreender mesmo longe de casa”, disse o treinador, que deve manter a base do time que duelou contra o Bangu.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X BONSUCESSO AO VIVO

Local: Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 7 de fevereiro de 2015, sábado
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
Assistentes: Andréa Marcelino de Sá e Patricia Retondário da Silva (ambos do RJ)

BOTAFOGO: Jéfferson, Gilberto, Roger Carvalho, Renan Fonseca e Carleto; Marcelo Mattos, Willian Arão, Diego Jardel e Tomas; Rodrigo Pimpão e Bill
Técnico: René Simões

BONSUCESSO: Preto, Ivan, Jadson, Elton e Cristiano; Marquinhos, Júnior, Fernando e Matheus; Robertinho e Lucas
Técnico: Caio Couto